Notícias

Saiba como ter uma equipe 3.0 em 2018

“O mundo se transformou em uma velocidade não percebida e hoje vivemos uma verdadeira revolução no mundo do trabalho, no comportamento do consumidor e nas tendências de mercado. Você está atento a isso?” Foi com essa reflexão que o palestrante Cesar Pancinha iniciou nesta terça-feira, dia 21 de novembro, o último Café com Lojistas de 2017, promovido pelo Sindilojas Porto Alegre aos seus associados.

Logo no início do evento, que contou com o auditório do Sindilojas Porto Alegre repleto de equipes dos mais diferentes segmentos do varejo, o palestrante fez uma retrospectiva sobre o mundo do trabalho, destacando como as relações entre empregado e empregador mudaram. De acordo com Pancinha, as complexidades mudaram e os profissionais e empresas precisam se adaptar ao novo momento.

“Em 1960 vivíamos a era da estabilidade, na qual o grande valor para os profissionais era manterem relações e empregos a longo prazo. Depois, por volta da década de 90, a regra era a empregabilidade. O Brasil se encontrava na era do pleno emprego e tudo que a pessoa precisava era ser atrativa para ter opções em mais de uma empresa. Hoje, diferentemente estamos na era 3.0, ou seja a era da trabalhabilidade. Agora, mais do que um emprego fixo as pessoas buscam oportunidades de gerar renda em diversas atividades, de maneira complementar. Por isso, o profissional ideal é aquele que tem a capacidade de ser especialista em determinada área e, ao mesmo tempo, generalista em outras”, explica Pancinha.

Para o palestrante, especialista em comportamento do consumidor e em comportamento humano, com mais de 25 anos de atuação na área, o desafio é sair do automático e ser protagonista. “Assuma o comando, o controle da ação e resolva o problema do seu cliente”, disse.

Mas, afinal, por que se perde um cliente? Segundo Pancinha, 65% dos consumidores deixam de comprar de determinada loja por sentirem indiferença por parte dos vendedores, 14% por reclamações não atendidas pelas empresas e 10% por perceberem que a concorrência oferece mais vantagens a eles. É pensando nisso que ele ressaltou na palestra que não só de mudanças no mercado de trabalho o País está vivendo.

Segundo Pancinha, a revolução também está impactando o comportamento do consumidor. “O cliente não quer mais comprar só um produto, mas o estilo do produto. Você segue vendendo livros ou conhecimento? Mude seu posicionamento. Estamos falando de gerar experiência para o seu cliente, de gerar valor para ele”, ponderou.

Por não se adaptarem ao novo contexto, aos olhos do cliente as empresas estão cada vez mais iguais, utilizando estratégias similares, ofertando os mesmos produtos ou com qualidades semelhantes. E o que estão fazendo para se diferenciar? “Vivemos um momento em que devemos ser melhores do que quando fomos melhores”, disse.

Quer saber mais?

Então faça o download agora mesmo e tenha acesso ao conteúdo da palestra de Cesar Pancinha no Café com Lojistas. 

Download do arquivo